quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Comunicar é como respirar

«Comunicar é como respirar. Ninguém vive sem respiração e sem comunicação, seja esta de que forma e tipologia for, sendo com ela que todos nos relacionamos e interagimos, nos socializamos, nos desenvolvemos e nos humanizamos, desempenhamos uma atividade cívica e profissional, ajudamos a edificar, a eticizar e a humanizar o mundo da vida para todos, à luz da acessibilidade e da usabilidade oferecida pelas cidades e/ou espaços urbanos a todos os cidadãos, numa ecologia sociocomunicacional inclusiva que valorize a diversidade humana, no cruzamento da problemática da inclusão social das pessoas com Necessidades Especiais com a vida nos espaços urbanos e nas cidades, considerando ser no espaço da cidade que, nos nossos dias, encontramos mais condições para o desenvolvimento humano e da humanização

Augusto Deodato Guerreiro 

6 comentários:

  1. É com enorme alegria que assisto ao nascimento do blog do meu querido amigo e professor Deodato Guerreiro. Ele é um incansável promotor da cultura para todos. Rompe a barreira da cegueira e oferece-nos um mundo cheio de vida, vida em abundância: à beleza das imagens junta a riqueza dos sons e a gratificação do tato. Perfuma tudo com o aroma da sua poesia e com o gosto da sua afeição. E chama-lhe uma nova comunicação dos sentidos. Muito obrigado por tudo o que nos tem dado, e felicidades.

    ResponderEliminar
  2. Dos corações bons e espiritualmente grandes é que emergem as bonitas palavras e acções, razão e lógica da vida a falarem a mesma língua, aquela que também nos perfuma a alma e incentiva ao progresso sociocomunicacional e sociocognitivo para todos. O meu querido Amigo Aquilino Rodrigues tem um coração bom e espiritualmente grande. Devo-lhe também a concepção e a materialização do início deste Blog, com o qual pretendemos colaborar na melhoria dos diferentes processos humanos de interacção e relacionamento, com enfoque no desenvolvimento educomunicacional, pedagógico, cultural... e na humanização e inclusão social, equidade nos direitos de cidadania e igualdade de oportunidades, no bem-estar e qualidade de vida para todos os cidadãos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
  3. Este homem extraordinário descobriu agora uma nova extensão comunicacional para se virar para o mundo e para os outros. Para comunicar com o mundo e com os outros.
    Um homem extraordinário que - privilégio meu – é tb um extraordinário amigo.
    Um colega académico de topo, n dimensional músico, compositor, escritor, ensaísta, sei lá o quê… e sem exuberância excessiva o quanto baste que faça funcionar a competência profissional no universo profissional e a boa amizade no universo dos amigos. Com um adicional adoçante de alegria nos modos como faz e faz fazer as coisas.
    Um abraço enorme a este colega e amigo enorme.
    Sem olhares perversos ou perdidos, com uma enorme lisura no seu olhar franco e incisivo… Uma enorme sabedoria no olhar!

    ResponderEliminar
  4. Tu, meu querido e ilustre amigo e colega académico (igualmente de topo) mcl, desde 2000, falas a linguagem séria e elegante da amizade e dos caracteres doutos e sensíveis. De facto, como digo, ninguém vive sem respiração e sem comunicação, mas, no seguimento do teu comentário e do anterior, os quais me responsabilizam, parece que a minha respiração e a minha comunicação ficam em arritmia... OBRIGADO Amigão por duas razões: a primeira, pela tua inquestionável sinceridade na manifestação que me diriges e, a segunda, pela irresistibilidade a que a força da amizade te submeteu. Abominas escrever e expor-te em redes sociais ... Só a força da amizade te venceu. Um obrigadão amigo e de profunda consideração.

    ResponderEliminar